Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2018

O naufrágio mais rico de todos os tempos foi achado e vale US$ 17 bi

Imagem
Nem tão bem preservado, mas muito mais rico Foto:iStock

Confirmado oficialmente só agora, “Santo Graal” dos naufrágios afundou há 310 anos com uma carga de ouro, prata e esmeraldas

Por extenso: dezessete bilhões de dólares. Equivalente ao PIB, o total produzido pela economia, de um país como Moçambique. O valor estimado é 34 vezes maior que o segundo mais rico naufrágio já tirado do mar, o Nuestra Señora de Las Mercedes, encontrado em 2007, que rendeu US$ 500 milhões em artefatos recuperados.

O galeão San José foi ao fundo após ser abatido por uma esquadra britânica na Ação de Wager, em 8 de junho de 1708. Era a Guerra de Sucessão Espanhola, na qual uma disputa após a morte do rei Carlos II, sem filhos, levou a uma guerra internacional entre as facções Bourbon e Habsburgo, apoiadas por duas coalizões. A Inglaterra, com o Sacro Império Romano-Germânico, a República Holandesa e Portugal, estava a favor dos Habsburgo. A França era o principal aliado dos Bourbon, a quem pertencia o navio…

Cádiz, la isla del tesoro para los piratas del siglo XXI

Imagem
Cañones del yacimiento de Camposoto, en aguas de San Fernando. FOTO: CENTRO DE ARQUEOLOGÍA SUBACUÁTICA DE CÁDIZ.

Más de 800 naufragios y miles de toneladas de plata y oro ocultos se calcula que hay bajo las aguas gaditanas. Los arqueólogos, que reconocen el riesgo de expolio, afirman que el mayor valor de estos pecios es la información histórica que aportan.

POR: JORGE MIRÓ

No hay que irse al Caribe para pensar en piratas y en cofres de oro y plata ocultos en barcos hundidos. El hecho de que la historia de esta provincia sea tan basta y que cuente con ciudades milenarias por las que han pasado diferentes civilizaciones ha hecho que su riqueza arqueológica sea extensa y variada. Pero no toda se encuentra a simple vista y en tierra. Conflictos bélicos, ataques de piratas, temporales o simples errores humanos han provocado miles de naufragios a lo largo de 3.000 años de historia. Joyas ocultas que se esconden en las profundidades del Atlántico, desde galeras romanas hasta poderosos gale…

Pescadores são atacados por “piratas” no mar do Caribe entre a Guiana e Suriname

Imagem
Por: Wellerson Santana

Cerca de 20 pescadores de quatro barcos foram atacados por piratas no mar do Caribe no oceano Atlântico entre o Suriname e a Guiana. Segundo relato de quatro sobreviventes, incluindo o capitão de uma das embarcações, piratas armados com facões amarraram as pernas e braços das vítimas, cortaram-nas e as jogaram no mar na noite do dia 1° de maio. As autoridades informaram que baseado nos relatos dos sobreviventes, os criminosos seriam da Guiana.

Eles forçaram os pescadores a pularem ao mar, alguns com pesos atados às pernas. Os quatro pescadores que sobreviveram conseguiram nadar até a costa, os corpos de três dos pescadores foram localizados na quarta-feira (3). A Guarda Costeira, membros da Associação Coletiva de Pesca e navios da polícia rastreiam a área em busca de sobreviventes e à procura dos criminosos. Sete suspeitos foram detidos.

O presidente da Guiana, David Granger, descreveu os ataques como um “massacre”, acrescentando que o ato criminoso é um “revé…