Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2012

Arqueólogos buscan naves de pirata en Panamá

Imagem
EFE
redaccion@siglo21.com.gt

Un equipo de arqueólogos submarinistas estadounidenses continúa la búsqueda de los cinco navíos que perdió el pirata inglés Henry Morgan (1635-1688) en el mar Caribe panameño, en una expedición antes del ataque a la antigua Ciudad de Panamá en 1671.

Foto: Arqueólogos submarinistas durante una exploración en el Golfo de México. EFE/archivo/F.S21

Miami. Los arqueólogos ya han recuperado seis cañones, varios cofres, una espada y barriles que se supone son parte de la flota que perdió el filibustero inglés en un arrecife en la desembocadura del río Chagres, en el mar Caribe panameño.

La búsqueda de los barcos perdidos, entre otros la nave insignia de Morgan, la "Satisfacción", comenzó en 2010, cuando los arqueólogos descubrieron y reflotaron seis cañones en la costa de la nación centroamericana.

"Localizar sus naves perdidas, poder conservarlas adecuadamente y compartirlas con el público es nuestro objetivo final en este proyecto (...) Sus barcos…

Piratas fazem um morto em ataque a barco da ENI

Imagem
Da Redação, com agências

Lagos - Um ataque de piratas a uma embarcação da Agip, do grupo italiano ENI, na Nigéria provocou pelo menos um morto. O confronto ocorreu no Delta do Niger e segundo fontes militares ainda há dois trabalhadores da Agip desaparecidos.

O ataque foi registado na quinta-feira, quando a embarcação transportava os trabalhadores para uma plataforma petrolífera do grupo italiano. A vítima fatal morreu por afogamento, quando fugia do ataque.

Fonte: http://www.africa21digital.com/comportamentos/ver/20027691-piratas-fazem-um-morto-em-ataque-a-barco-da-eni (28/07/2012)

Número de ataques de piratas no mar baixou

Imagem
Foto: EPA

O número de ataques de piratas no mar baixou consideravelmente no primeiro semestre de 2012, informa a Agência Marítima Internacional (International Maritime Bureau).

De acordo com esta organização encarregada de acompanhar a segurança nos mares, de janeiro a junho deste ano foram registrados 177 ataques de piratas enquanto no período homólogo de 2011 se haviam verificado 266 ataques.

Especialistas atribuem a redução da atividade criminosa nos mares ao aumento da pressão internacional sobre os piratas mais perigosos que operam nas águas da Somália.
Em poder dos piratas somalis permanecem ainda 11 embarcações e 218 tripulantes.

Fonte: http://portuguese.ruvr.ru/2012_07_16/ataques-de-piratas-diminuem/ (16/07/2012)

Fragata Corte-Real regressa no sábado após missão na Somália

Imagem
Foto: A fragata Corte-Real, ancorada em Matosinhos, em 2006 (Adriano Miranda)

A fragata Corte-Real regressa no sábado à Base Naval de Lisboa, após três meses em missão na Somália, onde foram eliminadas bases logísticas em terra de apoio a grupos de piratas, anunciou a Marinha, em comunicado.

O navio integrou, entre 26 de Março e 21 de Maio, a Força Naval da União Europeia, na Operação Atalanta.

Durante a missão, “foram realizadas pela primeira vez acções de disrupção de campos pirata em terra, na costa da Somália, permitindo eliminar as bases logísticas de apoio aos grupos de piratas”.

A fragata efectuou escoltas a embarcações que transportaram ajuda alimentar à Somália, vigilância e patrulha no Corredor de Trânsito Internacional Recomendado, no Golfo de Áden, estreito de Bab Al Mandeb e Mar Vermelho, bem como abordagens e vistorias a vários navios suspeitos, com o intuito de identificar eventuais indícios da prática de pirataria.

O navio português realizou ainda missões de reconhecime…

Combate à pirataria marítima poderá estender-se às águas quenianas

Escrito por AIM

O ministro moçambicano da Defesa Nacional, Filipe Nyussi, disse que Moçambique poderá estender até ao Quénia, as actividades de patrulhamento e fiscalização do mar, que actualmente são partilhadas com a Tanzânia e África do Sul.

“Actualmente, nós partilhamos as actividades de luta contra a pirataria com a África do Sul e Tanzânia, mas um dia teremos que estendé-las até ao Quénia, para bloquear o inimigo à longa distância, antes de constituir uma ameaça imediata interna”, disse o governante moçambicano.

Filipe Nyussi, que se reuniu, Sexta-feira (6), em Boane, província de Maputo, com adidos militares acreditados em Moçambique, afirmou ser fundamental a coordenação da luta contra a pirataria e outros crimes transnacionais com outros países porque os resultados não poderão ser satisfatórios de uma forma isolada.

Realçou que “o problema da pirataria e dos outros crimes transnacionais arrastam-se para além da fronteira de Moçambique, e a estratégia que o nosso país adoptou é…

Un congreso busca aclarar un error histórico sobre corsarios y piratas

Imagem
Conocidos casi por todos como piratas, los antiguos corsarios han sido víctimas de un error histórico que ha llevado incluso a los especialistas a confundirlos con los personajes dedicados al robo por puro lucro en los mares del mundo.

Las diferencias entre estos personajes mitificados por el cine y la literatura intentarán ser despejadas por un grupo de especialistas durante el congreso internacional "Corso y piratería en América", que se celebrará en Lima el 6 y 7 de junio.

El congreso ha sido organizado por la Asociación de Historia Marítima y Naval Iberoamericana, junto al Instituto Riva Agüero de la Universidad Católica y el Ministerio de Cultura de Perú y el Instituto de Investigaciones Históricas de la Universidad Nacional Autónoma de México.

El historiador peruano Jorge Ortiz Sotelo, uno de los organizadores, afirmó a Efe que se presentarán 22 ponencias, 16 de ellas a cargo de especialistas de Australia, Brasil, Canadá, México, Ecuador, Chile, Uruguay, España y Franc…

Casal sequestrado por piratas somalis em 2010 é libertado

Imagem
Terra/NG

Deborah Calitz abraça Bruno Pelizzari durante a conferência de imprensa.

O italiano Bruno Pelizzari e sua namorada, a sul-africana Deborah Calitz, sequestrados em outubro de 2010 por piratas somalis enquanto navegavam em um veleiro pela costa da Tanzânia, foram libertados nesta quinta-feira, anunciou o Ministério das Relações Exteriores da Itália.

O casal foi sequestrado por piratas somalis enquanto levavam um veleiro de Dar es Salaam, na Tanzânia, até Richards Bay, na África do Sul. As autoridades não tinham informações sobre o paradeiro de Pelizzari e sua namorada há 18 meses.

O ministro da Defesa somali, Hussein Arab Isse, explicou que a operação para libertar o italiano e a sua namorada foi finalizada nesta quinta-feira, segundo a imprensa italiana. "Como podem ver, o casal está são e salvo", acrescentou o ministro diante do casal em uma entrevista coletiva.

Os seqüestradores chegaram a exigir US$ 10 milhões para libertar o casal, que vivia há vários anos na Áfr…

China enviará 12ª frota de escolta às águas somalis

A Marinha Chinesa enviará a 12ª frota de navios ao Golfo de Áden para uma missão de escolta no próximo mês, disse nesta quinta-feira um porta-voz do Ministério da Defesa Nacional.

A frota deixará Zhoushan na Província de Zhejiang, leste da China, em 3 de julho, disse o porta-voz Geng Yansheng em uma entrevista coletiva regular.

O grupo, incluindo fragatas de mísseis Yiyang e Changzhou e o navio de abastecimento Qiandaohu, substituirá o grupo anteriormente enviado para evitar ataques de piratas.

Até hoje os navios chineses realizaram missões de escolta para 4.700 navios na região, cerca de 49% dos quais eram navios estrangeiros, disse Geng. Os navios da Marinha Chinesa protegeram 41 desses navios de ataques de piratas até hoje, disse.
por agência Xinhua

Fonte: http://portuguese.cri.cn/561/2012/06/28/1s153083.htm (28/06/2012)