quarta-feira, 7 de março de 2012

Dois reféns mortos e 16 resgatados em operação contra piratas somalis

Imagem de soldados australianos abordando piratas somalis em abril de 2011 (AFP/Arquivo, -)
(AFP)

COPENHAGUE — Dois reféns morreram após a libertação por um navio de guerra dinamarquês de 18 reféns que estavam em poder de piratas em um barco ao longo da costa somali, anunciou nesta terça-feira a Marinha dinamarquesa.

"O navio de guerra Absalon interceptou um barco-mãe de piratas no dia 27 de fevereiro de 2012. Durante a operação, dois reféns foram mortos", segundo um comunicado da Marinha que não indica a nacionalidade dos reféns mortos.

"Dois reféns foram encontrados gravemente feridos, mas, apesar da ação rápida do médico do Absalon, suas vidas não puderam ser salvas", explica a Marinha.

"O navio de guerra seguia o barco dos piratas há vários dias. Na noite de domingo para segunda-feira, quando os piratas tentaram deixar a costa, o Absalon interveio e interceptou o barco-mãe, antes que pudesse ser uma ameaça à navegação em alto-mar", acrescenta o comunicado.

"As circunstâncias exatas que levaram à morte dos dois reféns ainda não estão esclarecidas", de acordo com o comunicado.

Fonte: http://www.google.com/hostednews/afp/article/ALeqM5hPxjrNMqu0vaND1WPUrh2Uj-0AJQ?docId=CNG.392f354eaa191826411cb9264e1bdf4c.91 (28/02/2012)

Nenhum comentário:

Postar um comentário