domingo, 6 de novembro de 2011

Pirataria: ONU pede mais patrulhas no Golfo da Guiné

O Conselho de Segurança da ONU apelou hoje a um reforço do patrulhamento marítimo, bilateral ou regional, pelos países do Golfo da Guiné, face ao aumento da pirataria marítima numa das principais zonas de produção de petróleo.

Em resolução adotada por unanimidade, no último dia da presidência da Nigéria no Conselho de Segurança, os 15 países membros expressam «profunda preocupação com a ameaça que a pirataria e os assaltos armados no mar no Golfo da Guiné representam para a navegação internacional, a segurança e o desenvolvimento económico dos Estados da região».

Salientam ainda a «violência empregue por piratas e indivíduos envolvidos em pirataria e roubos armados» na zona, incluindo a tomada de reféns.

Diário Digital / Lusa

Fonte: http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?section_id=10&id_news=539614 (31/10/2011)

Nenhum comentário:

Postar um comentário