terça-feira, 21 de dezembro de 2010

A CAPTURA DO ADVENTURE

Réplica do navio Adventure.

Por Eduardo, da Artimanha Modelismo.

Por um bom tempo fiquei sem entender muito bem onde o Adventure entrava na história de famoso pirata Edward Tech o Barba Negra.

Mas pesquisando sobre o assunto, consegui enfim trazer a luz sobre o caso! Para entender o Adventure, teremos primeiro que voltar um pouco no tempo para ver o que se passou com o navio capitânia de Barba Negra o Queen Anne's Revenge!

Na realidade Barba Negra atuava com mais de uma embarcação tendo como capitânia o Queen Anne's Revenge e outros inclusive o Adventure.

Historiadores acreditam que o Queen Anne's Revenge fora um navio francês de comércio de escravos o La Concorde tomado de assalto por Barba Negra e seus homens na ilha de Martinica em 1717.

O Queen Anne's Revenge afundou provavelmente em junho de 1718 na região Okrakoke hoje conhecia como Beaufort, tendo inclusive utilizado o Adventure para transportar o seu tesouro para lugar incerto e não sabido! O fato, é que até hoje, não se sabe que destino teve essa fortuna!

Uma expedição expedição arqueológica encontrou na região de Beaufort restos de uma embarcação naufragada com as características do Queen Anne´s Revenge levando a hipótese de terem possivelmente finalmente terem encontrado o famoso navio. Mas ainda não há uma certeza de que seja o navio capitânia de Barba Negra.

Dentre os mais de 16.000 objetos recuperados, encontraram um sino que talvez seja da embarcação que procuram! Mas isso apenas com o tempo e muita pesquisa é que se poderá ter a certeza!

Bandeira de Edward Teach, o Barba Negra.

No verão de 1718, Edward Teach montou uma base na Ilha de Okrakoke, nos Bancos Exteriores da Carolina do Norte de onde, a bordo do navio Adventure, implantou na região durante um bom tempo um reinado de terror!

O governador da Carolina do Norte fazia vistas grossas em relação aos ataques piratas promovidos por Barba Negra em troca de uma lucrativa participação nos lucros resultantes dessas atividades. Os ataques sobre as rotas comerciais da América Colonial continuaram ao logo do ano de 1718. Mas outros governadores estavam menos dispostos em aceitar essa situação!

O governador de Virgínia, estado vizinho da Carolina do Norte, achou por bem destruir a base dos piratas. Por conseguinte, ordenou que o Tenente Robert Maynard da Marinha Real atacasse Barba Negra.

Foram colocados a sua disposição dois sloops, pequenos barcos e levemente armados, o Ranger e o Jane que haviam sido temporariamente comissionados pela Marinha de sua Majestade. Cada um era tripulado por 30 homens em média. Somando-se as duas tripulações armadas com sabres e mosquetes, Maynard tinha uma força adequada para uma luta de abordagem mas insuficiente para uma luta entre navios no mar aberto.

Assim, as armas de grosso calibre como os canhões, foram considerados desnecessários porque apenas aumentariam o deslocamento dos navios fazendo com que tivessem dificuldade em navegar nas rasas águas da enseada de Okrakoke onde estava sediada a base pirata sendo retirados então!

A maioria homens do navio de Barba Negra estava longe de Okrakoke, assim tudo que ele contava era com o seu navio o Adventure armado com nove canhões (quatro um lado, ficando uma das portinholas sem um canhão), e apenas com uma tripulação de 25 homens.A amanhecer em 22 novembro, Maynard rastejou pela passagem entre a Ilha de Okrakoke e Ilha de Beacon localizada mais para o sul, conseguido penetrar no ancoradouro ao norte lado ocidental de Okrakoke.

Pouco antes do amanhecer, os homens de Maynard dirigiram-se para seu objetivo silenciosamente embarcados em escaleres. Pretendiam tomar o Adventure de assalto! Mas as coisas não saíram como planejado!

Batalha entre Maynard e Barba Negra.

Barba Negra os viu vindo e abriu um nutrido fogo contra os assaltantes dando início à batalha. Isto forçou os homens de Maynard a voltarem para o Jane. Perdendo o fator surpresa, Maynard ordena então içar as bandeiras oficiais em ambos navios. O pirata por sua vez içou a sua própria bandeira cortando as amarras e o cabo de âncora da embarcação dirigindo-se para uma área de águas rasas ao norte.

Os atacantes tentaram segui-lo, mas ambos os sloops ficaram imobilizados pelos baixios da enseada. Barba Negra virou e abriu fogo com um dos bordos visando primeiro o Jane. Feito isso, tornou a evoluir de maneira a utilizar o outro bordo, dessa vez contra o Ranger.

Nessa ação morreram ou ficaram feridos vinte homens nos navios de Maynard devido a ação da metralha lançada contra eles a uma distancia de 60 jardas aproximadamente.
Nesse momento a luta era francamente favorável a Barba Negra! Ao ficar lado a lado com o Ranger outra descarga matou e feriu 9 homens que se encontravam a meia nau.

Infelizmente para o pirata, naquele momento o Adventure ficou imobilizado. Maynard nesse momento mandou que a maioria dos homens fosse para o deck inferior lá mantendo-os lá mas tomando o cuidado de mandar que levassem escadas de mão para que pudessem voltar rapidamente ao tombadilho quando fosse necessário para lutar!

Ao mesmo tempo, mandou que se livrassem de todo peso extra para poder safar os seus navios dos baixios da enseada! Era uma luta contra o tempo entre os adversários!
Barba preta pensou que ele agora tinha um maior número de homens do que Maynard. Um tiro de sorte cortara o cabo de manobra de pano do Adventure, da mesma maneira que ele estava se livrando dos baixios, ele permaneceu imobilizado balançando na maré ascendente.

Isto permitiu ao Ranger emparelhar com o Adventure ficando lado a lado! Barba Negra lançou granadas sobre a sua coberta! Mas as vítimas foram mínimas haja vista que a maioria dos homens estarem relativamente protegidos por se encontrarem nas cobertas inferiores.

Crentes em estarem em maior número e notarem que o Ranger estava praticamente desarmado sem canhões na coberta a vista os piratas lançaram os ganchos para poderem abordar a embarcação que agora parecia estar a sua mercê!

Mal sabiam eles que estavam caindo em uma armadilha de onde não teriam como escapar!
Ao subirem a bordo do navio, foram pegos de surpresa pelos homens que estavam escondidos nas cobertas inferiores que rapidamente subiram para o deck principal. O que se seguiu foi uma rápida um rápido e violentíssimo confronto resultando na morte do próprio Barba Negra e mais 10 de seus comandados!

Os restantes sobreviventes ao verem seu chefe morto,preferiram entregar-se!
Com a morte de Barba Negra a ameaça de piratas na região desapareceu.

A cabeça de Edward Teach...

Depois de ter sido morto, o pirata teve sua cabeça decepada a mando do Maynard.
Para demonstrar a todos que Barba Negra havia realmente morrido, mandou que prendesse sua cabeça no gurupés de seu navio!

Com isso ele pretendeu acabar de uma vez por todas com a série de histórias fantasiosas que existiam em torno do nome desse pirata!

Fonte: http://www.artimanha.com.br/Historia%20naval/Captura%20Adventure/Adventure%20o%20fim.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário