sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Malásia resgata petroleiro detém 7 piratas no golfo de Aden

A Marinha da Malásia resgatou 23 marinheiros e capturou sete piratas que haviam abordado o petroleiro Bunga Laurel, que transportava uma carga avaliada em US$ 10 milhões, no golfo de Aden, informou neste sábado a imprensa do país asiático.

Na sexta-feira à noite ao comentar o incidente de quinta-feira, o primeiro-ministro disse que seu Governo tinha de decidir se levaria os piratas à Malásia para serem julgados ou se adotaria outra ação.

Bunga Laurel navegava em direção a Cingapura quando foi atacado por homens armados com metralhadoras AK-47.

A tripulação ficou presa em um quarto de onde enviaram um sinal de socorro à Marinha da Malásia, que desdobrou comandos especiais, apoiados por helicópteros, que conseguiram recuperar a embarcação. Três piratas ficaram feridos no enfrentamento.

"O incidente envia uma mensagem contundente às piratas: seus delitos terão resposta decidida", manifestou Nazery Khalid, do Instituto Marítimo da Malásia, segundo a edição digital do jornal "The Star".

Durante o ano de 2010, os piratas capturaram 1.181 pessoas, assassinaram oito marinheiros e sequestraram 53 navios, um número recorde apesar do aumento das patrulhas em alto-mar, conforme um relatório do Escritório Marítima Internacional divulgado esta semana.

Fonte: http://noticias.terra.com.br/mundo/noticias/0,,OI4904262-EI294,00-Malasia+resgata+petroleiro+detem+piratas+no+golfo+de+Aden.html (22/01/2011)

Nenhum comentário:

Postar um comentário