segunda-feira, 7 de junho de 2010

Chefes de Defesa da China e de Omã prometem intensificar relações e operações anti-pirataria

A China e Omã prometeram hoje intensificar suas relações militares, incluindo esforços conjuntos para combater a pirataria na Somália, durante o encontro entre o ministro da Defesa chinês, Liang Guanglie, e seu colega omani, Aayyid Badr Bin Saud Bin Hareb Al-Busaidi.

Liang disse que as relações entre a China e Omã registraram um desenvolvimento saudável, manifestando a esperança de que as forças militares dos dois países intensifiquem intercâmbios e expandam as áreas de cooperação. Badr fez eco a Liang, pedindo que os dois exércitos promovam o intercâmbio no treinamento de pessoal e outras cooperações substantivas.

Liang informou a Badr sobre as operações da marinha chinesa na luta contra os piratas nas proximidades da costa da Somália, no Golfo de Aden. Em dezembro de 2008, a China enviou sua primeira embarcação naval para combater a ameaça crescente da pirataria somali. O navio de abastecimento da força anti-pirataria chinesa foi reabastecido com água potável, combustível e alimentos no porto de Salalah, em Omã, no ano passado.

Badr disse que suas forças armadas continuarão oferecendo abastecimento à frota marítima chinesa se for necessário.

Fonte: http://portuguese.cri.cn/ (03/06/2010)

Nenhum comentário:

Postar um comentário