terça-feira, 9 de novembro de 2010

Dois reféns raptados por piratas são sul-africano -Pretória

Joanesburgo – O Governo sul-africano disse hoje (terça-feira) que as duas pessoas raptadas por piratas somalis, a bordo do navio de passeio no largo das Ilhas Seychelles, são cidadãos sul africanos, anunciou a AFP.

"As duas pessoas (…) que estavam no navio são cidadãos sul-africanos”, declarou à AFP um porta-voz do ministério dos Negócios Estrangeiros.

Um terceiro cidadão sul-africano, o capitão do navio que conseguiu escapar dos raptores foi levado segunda-feira à embaixada da África do Sul em Nairobi (Quénia), precisou o ministério num comunicado.

Sábado, uma fragata francesa participante da força anti-pirataria da União europeia (UE) apercebeu-se que o iate suspeito vinha nas proximidades da costa somali.

Nenhum contacto pode ser feito com o navio e uma embarcação da fragata tinha colocada no mar para aproximar tentou disparar, enquanto que um pedido de socorro fosse lançado a partir do iate, provando que tinha sido capturado por piratas.

O navio encalhou perto da costa. Os piratas tentaram tomar os seus três reféns mas um deles recusou-se abandonar o navio. Os piratas partiram levando os dois outros membros da equipa.

O capitão havia sido mais tarde resgatado pela fragata francesa.

Fonte: http://www.portalangop.co.ao/motix/pt_pt/noticias/africa/2010/10/45/Dois-refens-raptados-por-piratas-sao-sul-africano-Pretoria,472424b0-5a4f-4548-ae30-65a789ea1afc.html (09/11/2010)

Nenhum comentário:

Postar um comentário