segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Embarcação chinesa capturada por piratas somalis ao largo do Iémen

Uma embarcação chinesa foi capturada por piratas da Somália, no Mar Vermelho, anunciou hoje o ministro do Interior do Iémen. O Governo abriu um inquérito para a procura do barco e da tripulação.

As Nações Unidas lançaram na quinta-feira um plano de acção para combater a pirataria marítima (Carlos Dias/Reuters (arquivo))

“Os piratas somalis conseguiram apoderar-se da embarcação baptizada de “Tien Hau” e conduziram-na para a costa da Somália”, anuncia um comunicado público no site do Ministério do Interior, na Internet.

Segundo o comunicado, o ataque aconteceu a cerca de 20 quilómetros da ilha Jabal al-Tair, que pertencente ao Iémen, ao largo da cidade portuária de Hudayda, no Oeste do país.

Os piratas somalis actuam há anos no golfo de Áden e no oceano Índico. O estreito de Bab al-Mandeb, por onde passam 30 por cento do comércio mundial, comanda a entrada no Mar Vermelho a partir do golfo de Áden. É uma ligação estratégica entre o oceano Índico e o Mediterrâneo.

Os piratas desta região apresentam-se cada vez melhor armados e aperfeiçoados, tornando mais difícil o esforço internacional para manter a segurança do tráfego marítimo.

As Nações Unidas lançaram na quinta-feira, em Londres, um plano de acção para combater a pirataria marítima, que alcançou em 2010 níveis recordes, com 1130 marinheiros feitos reféns na costa da Somália, segundo a Organização Marítima Mundial.

Fonte: http://www.publico.pt/Mundo/embarcacao-chinesa-capturada-por-piratas-somalis-ao-largo-do-iemen_1478792 (05/02/2011)

Nenhum comentário:

Postar um comentário