quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

São Tomé e Príncipe e Portugal assinam acordo de cooperação na área da Defesa

São Tomé – O primeiro-ministro santomense, Patrice Trovoada, recebeu esta quarta-feira, no Palácio do Governo, o Secretário de Estado português para a Defesa e Assuntos do Mar.

Portugal vai patrulhar as águas de São Tomé e Príncipe a partir de Agosto em parceria com Marinha local. Neste sentido, o Secretário de Estado português, Marcos Perestrello, foi recebido esta quarta-feira, no Ministério da Defesa, pelo titular da pasta do seu homónimo santomense, Carlos Stock. Durante o encontro falou-se de projectos como o Apoio às Estruturas Superiores e Defesa, Centro de Instrução Militar, Engenharia Militar, Segurança Costeira e Fiscalização e a Formação na Escola Naval e Academia portuguesa.

Depois de concordância entre as duas partes os dois representantes do Governo assinaram um acordo de cooperação técnica e militar entre Portugal e São Tomé e Príncipe, no quadro bienal 2011-2013, cujo valor não foi revelado.

O ministro da Defesa e Segurança Interna, Carlos Stock, agradeceu o gesto português que contempla áreas bem identificadas, para promover a cooperação e ajudar o país a fazer face às acções criminosas de pirataria, tráfico de droga e contrabando.

Para o Secretário da Defesa e Assuntos do Mar português, esta parceria é muito importante para o seu país, porque dentro de seis meses o arquipélago estará mais seguro com uma melhor política militar de sinalização e segurança.

Esta quinta-feira, foi a abertura oficial de dois cursos para 63 militares para Oficiais e Sargentos, com duração de dois anos, para dar resposta às novas técnicas militares vigentes. A abertura do curso contou com a presença do Chefe do Governo, no Centro de Instrução Militar, situado no Quartel do Aeroporto de São Tomé.

Fonte: http://www.jornaldigital.com/noticias.php?noticia=25412 (18/02/2011)

Nenhum comentário:

Postar um comentário