domingo, 4 de abril de 2010

Cerca de cem marinheiros indianos são capturados por piratas somalis

Frota de oito navios foi capturada de uma só vez quando se dirigia a Dubai.

Segundo jornal indiano, embarcações estariam escondidas em Seychelles.

Da France Presse

Um grupo de oito embarcação que transportavam cerca de cem marinheiros indianos foi seqüestrada no último sábado (27) por um grupo de piratas somalis. A informação foi anunciada nesta terça-feira por Kasam Ali, presidente da empresa naval indiana Kutch Vahanvati Association, situada no Estado de Gujarat, oeste da Índia.

A companhia não soube precisar a quantidade de funcionários que foi capturada. “Não temos qualquer notícia a respeito de nossos 80 a 100 marinheiros. Não há contato com os membros da tripulação", explicou Ali. No entanto, o empresário informou que, durante o sequestro, um dos barcos conseguiu contatar a companhia para explicar o que estava acontecendo.

Os oito barcos capturados tinham saído da Somália e partiram em direção a Dubai, afirmou o diário The Times of India, em sua página na internet. A marinha indiana, alertada pelo ministério de transportes marítimos, disse que vai verificar a informação.

Segundo o jornal, os "barcos ancoraram na zona rebelde de Kismayo, na Somália, para carregar mercadorias, mas depois de partirem foram capturados por piratas”, informou o The Times of India. Citando fontes que pediam anonimato, os barcos se encontrariam atualmente nas Ilhas Seychelles.

Ainda não foram feitos pedidos de resgate.

Fonte: http://g1.globo.com/Noticias/Mundo/ (30/03/2010)

Nenhum comentário:

Postar um comentário