quarta-feira, 14 de abril de 2010

Pequim desmente presença de chineses no navio capturado por piratas

Pequim – A China desmentiu hoje (segunda-feira) a presença de marinheiros chineses no navio capturado domingo por piratas somalis no oeste das ilhas Seychelles, como o haviam indicado as primeiras informações.


O centro marítimo de pesquisas e salvamento da China indicou ter confirmado junto da força naval da União europeia e das autoridades locais que a equipa era proveniente da Índia, do Paquistão e da Tanzânia e que não havia marinheiros chineses.


Segundo um responsável de um programa de assistência que faz parte da equipa do cargueiro, o Rak Afrikana, sob bandeira de Saint-Vicente e das Grenadinas, era proveniente da China.


O cargueiro, de 7.561 toneladas e propriedade de uma sociedade seychellense, Rak Afrikana Shipping Ltd, foi capturado a 280 milhas náuticas ao oeste das Seychelles.

Fonte: www.portalangop.co.ao/ (12/04/2010)

Nenhum comentário:

Postar um comentário