quinta-feira, 29 de abril de 2010

Exército japonês combate a pirataria no Mar Vermelho

Um destacamento do Exército japonês começou a instalar-se em Djibuti, pequeno país estratégico à entrada do Mar Vermelho, que acolhe já várias bases estrangeiras, para participar na luta contra os piratas somalis, noticiou, ontem, a agência France Press.

“É a única base do Japão fora do nosso país”, declarou, à agência, o capitão da esquadra das Forças de Auto Defesa Marítima japonesa, Keizo Kitagawa, coordenador do destacamento.

“Estamos destacados aqui contra a pirataria para nossa defesa. O Japão é uma nação voltada para o mar e o aumento da pirataria no Golfo de Áden, por onde passam cerca de 20 mil navios por ano, é inquietante”, disse.

Em Abril de 2008, um petroleiro japonês foi atacado com roquetes por piratas somalis, antes de ser salvo pela Marinha alemã.

O Sindicato japonês da Marinha Mercante, revelou, forçou o Governo a intervir. O Ministério japonês da Defesa anunciou, em 17 de Dezembro de 2009, o destacamento de dois destruidores e o lançamento dos preparativos para o envio de dois aviões de patrulha contra a pirataria ao largo da Somália.

Fonte: http://jornaldeangola.sapo.ao/ (24/04/2010)

Nenhum comentário:

Postar um comentário